DESPARASITA COM REGULARIDADE!

Categoria: Saúde | Tags: carraças , carrapatos , saúde , cão , desparasitação | Publicado em: 24/05/2018

 

Ao ver uma carraça ficamos extremamente preocupados porque queremos que os nosso animais vivam com saúde e bem-estar uma vida longa na nossa companhia. 

As carraças são parasitas externos, se alimentam desde o primeiro momento de seu nascimento e durante toda a sua vida do sangue do hospedeiro que pode ser tanto animal como pessoa. Seu ciclo de vida é de três fases: 1) larva, 2) ninfa e 3) adulto. Seu desenvolvimento completo leva dois meses.

Existem por volta de 800 espécies de carraças.

Elas não voam, mas podem ser trazidos pelo vento. Como elas encontram as pessoas e os animais? Têm um sensor que lhes permite detectar o hospediro e as levam até eles. Mas podem estar a espera num local de passsagem e quando o animal ou a pessoa passarem agarram-se nos pelos. Podem também pular de arbustos ou árvores encima do hospedeiro. Ao agarrar-se ao hospedeiro,  com suas peças bucais perfuram a pele e ingerem sangue. Ao ingerir o sangue podem transmitr doenças graves se forem infetados. A carraça não nasce infetada de doenças, isso só acontece se o hóspede está infetado. Ao passar para o próximo hóspede a carraça tranmite a doença. Uma carraça doente pode por ovos infetados. O acasalamento acontece no hospedeiro também, uma fêmea pode depositar entre 3 a 4 mil ovos duma só vez. 

No animal nem sempre são visíveis, assim precisa sempre uma revista com cuidado, poderá ser levantando os pelos e ver a pele ou utilizar uma pente de detnes muito finos. Os animais devidamente desparasitados não têm carraças! Contudo, a revista periódica é sempre útil. As carraças preferem algumas zonas do corpo do animal por ter pele mais fina de que nas outras partes, como as orelhas, os olhos, as axilas, o pescoço e entre os dedos.

Se encontrares carraça no teu animal reitra-a de imediato. 

Retirar uma carraça tem uma técnica própria porque está agarrada com muita força e ao tirar a cabeça pode ficar no copro do animal. Deverá retirar a carraça com uma pinça, segurando a pele, colocar a pinca encima da carraça junto da pele a puxa-la com a mesma força firme e contínua até sair. A pele deverá ser lavada e desinfetada de seguida. 

Não deite o carrapato nunca no lixo, nem vale a pena mata-los porqe podem reanimar-se com facilidade. O ideal é coloca-los numa garrafa com alcohol e mante-los lá. 

Mesmo que a carraça não seja infetado pode causar a doença e até a morte do animal. 

Como se proteger contra as carraças, seja prevenção, seja em caso de infestação?

1) Colocar regularmente gotas anitparasitárias (Frontline, Andvantix, etcc.)

2) Aplicar IVOMECTRINE (injeção aplicada pelo veterinário)

Não esqueça que em caso de infestação do ambiente, se verificar que as carraças sobem nas paredes ou andam no chão, etc.. é necssário pulverizar os espaços infetados com o produto adequado. É comercializada a deltametrina que é uma solução a ser misturado com água. É eficaz contra carraptos, pulgas, baratas e mosquitos também. 

Em Cabo Verde existem estes produtos e são vendidos nas lojas que comercializam produtos para animais ou nos consultórios veterinários. 

 

 

 

 


NEWSLETTER

Registe o seu email para que possa estar sempre por dentro das nossas actividades